ROI: quanto a sua empresa ganhará ao adotar uma solução de WMS?

O ROI (sigla para Return Over Investment ou Retorno Sobre o Investimento) é um dos indicadores mais importantes que uma empresa pode usar para medir seu desempenho. Afinal, graças a ele, é possível mensurar exatamente quais foram os lucros a partir de um determinado investimento, que variam desde a aquisição de um produto ou a implementação de uma nova solução, como um sistema WMS de logística de qualidade internacional, feito o HighJump.

A fórmula clássica para se calcular um ROI é simples: primeiro, subtrai-se o ganho obtido pelo investimento inicial. Em seguida, divide-se esse resultado novamente pelo valor do investimento inicial. Como exemplo, imagine que você fez um investimento de R$ 10 mil e teve um lucro de R$ 100 mil — o ROI foi de nove vezes o valor do investimento (ou 900%, caso você multiplique o resultado por 100 para obter o percentual).

Porém, quando o investimento feito foi no setor de operações de armazenagem, calcular o retorno financeiro (e, consequentemente, o ROI) de uma nova solução se torna algo mais desafiador. Afinal, os desafios logísticos de cada empresa são distintos e é difícil prever quais serão os impactos de um sistema WMS de logística em um caso específico. Sendo assim, o primeiro passo é estudar quais são os benefícios que o seu armazém terá ao adotar essa tecnologia.

OTIMIZANDO PROCESSOS OPERACIONAIS

O que todos nós sabemos é que, no geral, um sistema WMS de logística é capaz de melhorar a produtividade e maximizar a eficiência operacional de um armazém, graças a uma série de funcionalidades que permitem gerenciar melhor os recursos. Confira, abaixo, alguns benefícios da solução.

1) Maior acuracidade do inventário
Se um sistema de controle oferece uma informação de estoque que não condiz com o inventário real, dizemos que ele não tem acuracidade. Isso é algo perigoso, visto que, com as novas estratégias e processos adotados pelo mercado, é essencial garantir que os produtos estejam no local certo, na hora certa e na quantidade exata. Um WMS robusto é mais confiável e possibilita um rastreio mais eficaz de mercadorias, tal como uma análise mais exata do que realmente existe no armazém.

2) Picking mais eficiente
O cliente fez um pedido e o armazém precisa fazer a recolha dos produtos, muitas vezes de categorias e quantidades diferentes — é o famoso picking, também conhecido como order picking. Como garantir o melhor aproveitamento possível de mão-de-obra e concluir a tarefa no menor tempo? Com um sistema WMS de logística, você consegue automatizar grande parte do processo de separação e gerenciar de forma mais transparente as atividades pendentes, otimizando as suas operações de armazenagem.

3) Redução de custos com mão-de-obra
Cortar custos com mão-de-obra não significa empregar menos operadores, e sim otimizar o tempo deles. Um sistema WMS de logística possui módulos de gestão de mão-de-obra que lhe permitem rastrear e analisar a produtividade dos colaboradores em seu armazém. Com esse tipo de inteligência estatística, fica mais fácil identificar lacunas e pontos de melhoria, no intuito de fazer um planejamento de trabalho ainda mais preciso.

4) Manter a fidelidade de outros indicadores
Dentro de uma empresa é preciso medir a produtividade. Muitas vezes, é o estoque que indica se as metas foram atingidas no prazo. Cada setor tem uma participação no cumprimento dessa meta, mas, muitas vezes, um fica transferindo os prejuízos ao outro. Quem perde é a empresa e os diretores, que não conseguem identificar de onde vem o rombo ou excesso de produção. Um WMS ajuda a ter vigilância nestes casos, ou seja, permite conferir se o planejado e o realizado correspondem à meta do mês ou se estão sendo contabilizadas mercadorias ainda não despachadas — ou que sequer foram vendidas ainda.

O QUE LEVAR EM CONTA?

Via de regra, um WMS robusto e confiável tem como objetivo otimizar todos os processos internos de um armazém, de acordo com as melhores práticas e em consonância com as regras do seu negócio, otimizando a produtividade em geral e eliminando barreiras como erros humanos, retrabalhos e atrasos diversos. Com a automatização de diversas tarefas e um gerenciamento de estoque mais transparente, é natural que haja uma redução de custos com pouco tempo de uso da solução.

E, é considerando essa redução de custos que você deve fazer o cálculo de ROI ao adotar um sistema WMS de logística. Como dissemos anteriormente, os impactos desse aumento de produtividade e automação de tarefas operacionais nas suas operações de armazenagem é algo que apenas o gestor pode analisar — afinal, cada armazém possui suas peculiaridades e necessidades distintas.

Se você procura um WMS de confiança para otimizar o seu negócio, conheça o WMS HighJump, da Otimis, que une tecnologia de ponta, funcionalidades robustas e máxima eficiência operacional em uma solução totalmente configurável para o seu negócio. Saiba mais sobre a plataforma e entre em contato.

> Deixe seu comentário

Entre em contato
+55 47 3036 7800 (SC)
+55 11 3027 4197 (SP)
+56 2 2840 5916 (CHILE)
otimis@otimis.com

Newsletter

Gostaria de receber nossas novidades no seu email?