Precisa melhorar a gestão de pátio e distribuição? Veja 4 dicas

Para gerenciar o armazenamento, a sua empresa necessita um sistema WMS (Warehouse Management System). Com ele, todos os itens dentro do armazém são rastreados e nada foge do controle, até a chegada dos caminhões às docas. Então, o que entra e sai de mercadorias é uma questão que o seu negócio ainda precisa resolver?

Pode até ser que você não julgue necessário investir em um sistema de gestão de pátio no momento, mas é importante analisar o cenário e cogitar a possibilidade de usar essa ferramenta para gerenciar com maior efetividade o que entra e sai do pátio, para antecipar estratégias inteligentes de priorização de tarefas.

Mas, se você já tem uma solução dessas para cuidar dos fluxos de veículos, existem alguns pontos que precisam ser constantemente reavaliados. É preciso ter sempre olhos dentro e fora do armazém, de modo que a sua operação enxergue a distribuição e o giro das mercadorias pela supply chain.

Mas o que isso significa?

Acima de tudo, além de gerenciar o pátio de apenas um Centro de Distribuição (CD), o seu sistema de gestão deve estar pronto para receber informações de todas as plantas da empresa. Ou seja, os dados da movimentação de cargas devem estar centralizados em um só sistema.

Quer saber mais sobre como a distribuição da sua empresa dependem da gestão de pátio? Então, continue a leitura e aceite esse convite para avaliar quatro providências que podem mudar o exterior e o interior dos seus armazéns.

 

#1 IDENTIFICAR DESAFIOS E GARGALOS

Dois caminhões não podem ocupar a mesma doca. Essa é uma das leis mais básicas da gestão de pátio. Se o seu maior armazém tem cinco, apenas cinco veículos poderão ocupar os espaços de manobra e fluxo próximos a elas. 

Isso é básico, mas cada empresa diferente que realiza a entrega ou distribuição parece esquecer dessa regra. Até mesmo motoristas novos da sua própria frota acabam não sabendo onde se colocar dentro do pátio. Eles precisam parar e perguntar para quem estiver passando. Nessa interrupção se perde tempo e dinheiro, um dos maiores gargalos gerados pela falta de gestão de pátio!

Para não ficar refém do “diz que me disse”, as distribuidoras contratadas e os condutores de veículos de carga da sua própria empresa devem consultar o encarregado pelo pátio logo na entrada. Mas ele precisa estar embasado em um sistema de gestão e não em pranchetas com anotações indecifráveis e pouco atualizadas.

Imagine que na entrada cada caminhão receba instruções e um código de barras para controle. O condutor sabe se irá direto para a doca e em qual número deve estacionar ou se ficará em espera.

Essa também é uma forma de manter o relacionamento em dia com as distribuidoras que oferecem bons serviços. Você pode bonificá-las ao reagendar os caminhões que sempre chegam adiantados ou que nunca furam o planejamento.

Mas tudo isso só é possível com uma solução de gestão de pátio. Ao usá-la você evita gargalos e tem em mãos os seguintes controles:

  •     A notificação de chegada e saída de veículos;
  •     A alocação por docas e áreas de processamento;
  •     O conhecimento da carga de cada caminhão;
  •     O mapeamento do pátio, com áreas reservadas para manobra, espera e fluxos;
  •     A possibilidade de gerenciar mais de um pátio no mesmo sistema.

 

#2 ADOTAR CROSSDOCKING

Sem um pátio organizado, não tem crossdocking. Essa é uma estratégia de distribuição feita para gerar redução de custos de armazenamento e para a otimização da supply chain. Mas se os caminhões que chegam ao seu pátio têm um tempo médio de espera alto, essa economia zera e consequentemente o esforço de cruzar informações entre docas é anulado.

De que adianta compartilhar informações de armazenamento e sinalizar a necessidade de uma mercadoria ir direto para o consumidor sem ser estocada, se o pátio gera gargalos?

Crossdocking é uma resposta para tal anseio, mas depende de como a informação e a troca de dados é tratada pela empresa. E você sabe que números são fundamentais para o desenvolvimento da supply chain.

 

#3 AUTOMATIZAR A GESTÃO COM A TECNOLOGIA  

Abandone as planilhas e as pranchetas. Elas não conseguem mais trazer os resultados que a sua empresa espera da gestão de pátio e não permitem tratar a informação de modo integrado, como fazem os softwares. Eles automatizam os procedimentos manuais que se tornam estratégicos, gerando valor para a empresa.

Com o controle de veículos por código de barras e radiofrequência não existe caminhão perdido, parado ou sem rumo dentro do seu pátio. E você sabe que o tempo é um recurso valioso diante de cenários altamente competitivos.

A automatização deve levar também à integração do pátio ao sistema WMS. Isso significa que você não deve aceitar ofertas de softwares que geram gargalos ao impedir o compartilhamento automático de dados entre distribuição e armazenamento. É preciso ver ambas em um só lugar como fluxos que se complementam e que não brigam por espaço dentro e fora do armazém.

Isso permite que o armazenamento seja sempre bem aproveitado e nunca impeça a chegada de novas mercadorias: o que entra, também sai. E é você quem administra essa sintonia entre inbound e outbount, associando o software de pátio ao sistema WMS.

 

#4 ESCOLHER PARCEIROS DE QUALIDADE CERTIFICADA

Quando você analisa a escolha de um sistema, além de considerar os três benefícios anteriores, deve avaliar a qualidade do software. 

Você deve observar se a empresa que fornece o seu sistema de gestão é especializada nessa área e pratica as melhores práticas. Uma plataforma flexível e altamente adaptável faz toda a diferença na hora de se encaixar ao seu projeto, trazer autonomia ao gestor e integrar facilmente com outras soluções da empresa.

Ser uma líder na gestão de pátio significa:

  •     Eficiência na operação do pátio;
  •     Visibilidade aumentada;
  •     Otimização de processos;
  •     Redução de custos.

Viu como existem critérios importantes para a conquista do melhor resultado nas atividades de pátio? Continue navegando pelo blog da Otimis e descubra mais sobre ferramentas de gestão de pátio integradas ao sistema WMS que são referência no mercado e presença certa no quadrante mágico do Gartner.

> Deixe seu comentário

Entre em contato
+55 47 3036 7800 (SC)
+55 11 3027 4197 (SP)
+56 2 2840 5916 (CHILE)
otimis@otimis.com

Newsletter

Gostaria de receber nossas novidades no seu email?