WMS na logística: conheça os principais benefícios

Há alguns anos era natural um produto levar dias ou meses para ser entregue. Quando chegava em bom estado, os consumidores não se importavam. No entanto, com os avanços tecnológicos e as novas formas de gestão, como o WMS para a logística (ID #1), os clientes também tornaram-se mais exigentes. Além da qualidade, a exigência do tempo de entrega do pedido aumentou ainda mais. Por isso, o profissional de logística que deseja tornar a empresa competitiva diante da concorrência precisa se adaptar aos sistemas tecnológicos.

Todo armazém depende de pessoas para se manter operando, mas errar é humano e erros custam tempo e dinheiro. Imagina um colaborador distraído, separando os lotes de pedidos para vários clientes que serão atendidos por um mesmo caminhão. O processo manual de contagem pode resultar em número errado de produtos expedidos. Uma solução eficaz transforma os processos logísticos, trazendo produtividade e controle das mercadorias em estoque — ou até fora dele. Ao invés de contar nos dedos pilhas e mais pilhas de caixas, os lotes recebem códigos de barra e são bipados quando entram ou saem do armazém e cada vez que passam por uma etapa do processo. Assim, você tem nas mãos um histórico da operação sem precisar ficar do lado dos operadores ou sempre consultando as lideranças, supervisores e coordenadores.

Escolher uma solução especializada demanda atenção a pequenos detalhes que podem fazer diferença no gerenciamento logístico, como, por exemplo, uma arquitetura simples que permita a integração de vários processos gerenciais. Um WMS na logística é capaz de controlar os produtos ou SKUs (Unidade de Manutenção de Estoque, em português) para efetuar o armazenamento, rastreabilidade das operações, controle de estoque entre outros processos que são fundamentais para organização do inventário. Contudo, a escolha dele precisa corresponder às demandas da empresa.

Confira as principais características que um WMS eficaz deve ter:

Visibilidade em tempo real
A visibilidade em tempo real permite que você saiba quais produtos estão disponíveis no armazém ou no centro de distribuição e em qual categoria eles se encontram. Isso pode incluir a alocação manual ou automática de produtos em áreas específicas dentro do seu armazém, além de permitir que você tenha a resposta certa para seu cliente, caso seja questionado sobre o status de algum produto. Fornecer visibilidade ao administrar o inventário ajuda o gerente de logística a planejar e manter maior produtividade.

Relatórios e gráficos
Um bom WMS para logística deve possibilitar a coleta clara de dados relacionados aos produtos que são mantidos sob controle no armazém, podendo registrar inclusive o desempenho dos funcionários, pois marca o tempo em que as ações são operadas. O sistema gera informações, permitindo analisar, comparar e cruzar dados.

Integração de documentos
Pense em todos os documentos que você usa para seu fluxo de trabalho: formulários, planilhas, cronogramas dos materiais que se encontram no armazém ou no CD. O WMS pode reduzir de forma significativa a papelada utilizada em atividades no inventário e evitar que informações fiquem desalinhadas, em planilhas perdidas no computador. Com o WMS todas as informações podem ser centralizadas em um único sistema.

Controle logístico
Outra função do WMS na logística é determinar a qual departamento o produto pertence, com que frequência ele precisa ser abastecido e quais itens devem ser enviados para clientes específicos. A acuracidade mantida através do controle de estoque evitará o constrangimento de vender itens que não constam no armazém, acabando com desgastes da imagem da empresa diante dos clientes!

Flexibilidade
Além disso, a solução foi projetada para ser flexível, isto é, o fluxo de processo do warehouse agora pode ser modificado facilmente conforme as necessidades da empresa e o seu crescimento, preservando as particularidades de cada armazém e CD. O WMS de logística deve fornecer flexibilidade para verificar um determinado inventário com fácil acesso para o gerente ajustá-lo em tempo real. Assim é possível ter uma imagem clara e precisa de estoque, recebimento, movimentação, armazenagem, picking e expedição. Seu sistema precisa ser capaz de mostrar a informação que você precisa ao administrar o inventário, pois são esses dados que oferecem a visão mais objetiva para a produtividade e melhor gerenciamento.

Um Sistema de Gerenciamento de Armazém pode ajudar sua empresa a impressionar potenciais clientes e fornecer o melhor serviço possível e suporte aos já existentes. O WMS na logística economiza tempo e dinheiro e aumenta a satisfação do consumidor. Por outro lado, a escolha por um sistema errado pode trazer problemas ao seu serviço e ao mesmo tempo arrastar para baixo a produtividade. Antes de selecionar um WMS, certifique-se de que o sistema que você está considerando tem as capacidades adequadas e se encaixa ao seu modelo de negócio para lhe fornecer todos esses benefícios.

Se sua empresa está perdendo clientes devido a métodos obsoletos, é hora de automatizar processos obtendo um Sistema de Gerenciamento de Armazém que oferece uma interface fácil de usar, além de integração com os atuais sistemas de gerenciamento da sua empresa. Não deixe de conferir também o que considerar ao escolher uma solução de gerenciamento de armazém (ID #3).

> Deixe seu comentário

Entre em contato
+55 47 3036 7800 (SC)
+55 11 3027 4197 (SP)
+56 2 2840 5916 (CHILE)
otimis@otimis.com

Newsletter

Gostaria de receber nossas novidades no seu email?