Voice picking: Otimize seu fluxo de trabalho no armazém com a voz

Os gestores da área logística vivem um momento de urgência. É preciso acelerar e colocar em prática ações que levem à transformação digital. Os concorrentes já se movimentam para alcançar o tão cobiçado status de armazém do futuro.

Ficar para trás será sinônimo de obsolescência. E nenhuma empresa quer ganhar esse título e perder negócios. Tendências mundiais, como as da quarta edição do estudo DHL Logistics Trend Radar, mostram que a inovação é mais importante do que nunca. Ela é a principal aliada para garantir produtividade no setor logístico.

Nesse contexto, ganham importância as ferramentas de automação que são dotadas de inteligência de interação e reconhecimento de voz (em inglês, voice picking). Graças a ela, mãos e olhos ficam livres para se concentrar em cada importante tarefa.

Neste artigo, explicamos o que é e como funciona o voice picking, quais suas vantagens e desvantagens, e como os usuários de um sistema WMS (Warehouse Management System) como o HighJump podem ter esses e muitos outros benefícios.

O QUE É VOICE PICKING?

Voice picking é um sistema projetado para que os operadores de um armazém concentrem-se no processo de picking mantendo as mãos livres e sem precisar dividir a atenção com papéis. A tecnologia é também conhecida por “pick by voice” ou “voice directed warehousing”.

Sistemas picking by voice usam reconhecimento de fala para permitir que os operadores do armazém comuniquem-se com um software WMS. Para isso, os trabalhadores usam um fone de ouvido e um microfone para receber comandos por voz e confirmar verbalmente suas ações de volta ao sistema.

Para fins de curiosidade, existem também os sistemas pick by light. Como o nome sugere, são dispositivos com luz e números. Simplificadamente, eles mostram ao operador do armazém a posição da mercadoria a ser recolhida, indicando também a quantidade de unidades.

VOICE PICKING: COMO FUNCIONA?

Para entender melhor como funciona o picking by voice, o WMS passa as informações sobre o pedido ao operador. O sistema de reconhecimento de voz as traduz e transmite os comandos ao trabalhador em seu fone de ouvido. Em seguida, ao chegar no local indicado, a pessoa fornece um conjunto de dígitos de verificação. Os dígitos servem para confirmar que o trabalhador está no corredor e local corretos.

Após a confirmação dos dígitos, o operador recebe a quantidade de picking. Ao confirmar o recebimento, o sistema de picking voice envia o próximo local que o funcionário deve se dirigir. O caminho que o operador seguirá é otimizado pela solução, garantindo assim a maximização da eficiência da operação.

COMO OS SISTEMAS PICK BY VOICE AJUDAM A MATURIDADE DE UM ARMAZÉM DO FUTURO

As ferramentas de voz têm uma longa história de implementação conjunta com o HighJump, sendo que a primeira remonta mais de uma década. Desde então, a tecnologia amadureceu e evoluiu para um caminho focado em melhorias de processos.

A operação de voice picking ajuda os usuários do sistema HighJump a levar seus processos de logística e de atendimento a um outro nível. Ela oferece a promessa de informação necessária para conduzir os processos-chave de armazém, tornando-se um componente importante para o sucesso de muitas estratégias de TI.

A HighJump possui integração nativa com o sistema de voz Vocollect, da Honeywell, também comercializado pela Otimis. E como os scanners baseados em RF (radiofrequência), os sistemas de voice directed picking são disponibilizados em um dispositivo móvel pequeno e sem fio.

A diferença é que o Vocollect fornece instruções verbalmente (voice picking commands) e capta respostas usando um microfone, eliminando a necessidade do usuário parar, olhar para uma tela e digitar informações. E como o fone de ouvido utilizado pode ser sem fio, acaba a necessidade de ter um dispositivo móvel preso ao corpo, oferecendo ainda mais a liberdade de mobilidade em comparação com as unidades de RF tradicionais.

COMO FUNCIONA A INTEGRAÇÃO ENTRE O VOCOLLECT E O HIGHJUMP?

O processo de conexão de voz para o sistema HighJump é simples e garante um nível de maturidade que possibilita alcançar o status de armazém do futuro. A atribuição, seja para picking, inventário, ou outro fluxo de trabalho, se origina no sistema WMS.

Essa requisição é, então, enviada para o aplicativo de voz, no qual os dados são  traduzidos em informações sonoras. O usuário, em seguida, fornece respostas faladas para confirmar as ações dadas pelos comandos. Esses retornos são, então, transformados em dados e transmitidos para o sistema WMS, atualizando automaticamente o estoque.

EXEMPLOS DE UTILIZAÇÃO DE PICKING VOICE

Uma ferramenta de voice pick é normalmente usada dentro do armazém para apoiar tarefas como seleção de pedidos (picking), pelo impacto positivo nos níveis de serviço, que se tornam mais rápidos e precisos. No entanto, o uso dessa tecnologia pode ser expandido para aplicações como recepção, inventário, reposição, entre outras.

VOZ VS. PAPEL

O uso de papel é um excelente ponto de partida para operações como contagens simples, mas tende a ser uma barreira quando usado em grande escala. Ele elimina a capacidade de visibilidade em tempo real do inventário, por exemplo. Manusear pranchetas também distrai a atenção e pode levar a erros indesejados.

Já com o uso do Vocollect nada disso acontece. Como o software está em interligado ao HighJump, o estoque contado sempre é atualizado em tempo real.

VOZ VS. SCANNERS DE RADIOFREQUÊNCIA

Antes da adoção de ferramentas de voice picking, nenhuma outra tecnologia teve um impacto maior na evolução dos sistemas de gestão de armazéns como os scanners de radiofrequência. Mas, mesmo sendo populares com muitas empresas, eles têm alguns inconvenientes como a necessidade de treinamentos exaustivos e o alto custo de manutenção.  

A capacitação para a utilização de um software de voice picking é simples! E a necessidade de manutenção baixa, já que o trabalhador usa apenas um fone de ouvido com microfone.   

QUAIS AS VANTAGENS DE VOICE PICKING?

A eficiência do controle de estoque do armazém é de vital importância. A cada hora do dia os operadores precisam fazer diversas escolhas, as quais devem ser realizadas com o máximo de precisão. Um picking impreciso pode levar a entregas incorretas e, por consequência, afetará a satisfação geral do cliente.

Além da satisfação do cliente, outros benefícios do voice picking são:

## Mais precisão

Por meio de reconhecimento de voz voice picking, os trabalhadores nos armazéns ou centros de distribuição executam suas tarefas de modo mais preciso e eficiente. Aliás, utilizar o sistema picking by voz significa que mais escolhas serão realizadas pela equipe por hora do que por meio de uma seleção regular. 

Somado ao aumento de precisão e produtividade, o sistema pick by voice tem também um rápido retorno do investimento.

## Redução em incidentes de segurança

O olhar dos trabalhadores está sempre voltado para a tarefa a ser desempenhada. E por não ter nas mãos um pedaço de papel ou uma tela, há uma maior concentração.  

Os colaboradores são completamente conscientes do seu ambiente, incluindo os obstáculos e outros perigos que podem causar ferimentos. O resultado é que o voice activated picking não apenas torna operadores mais produtivos e precisos, mas também elimina o potencial de danos causados no levantamento ou ao lidar com um item.

## Menos horas em treinamento

E não é apenas o número de acidentes que é reduzido ao usar a tecnologia voice picking. As horas necessárias para treinar os trabalhadores também diminuem com a ferramenta. Como as tarefas passam a ser conduzidas por voz, não há necessidade de treinamentos para leitura de impressões, aplicações de etiquetas etc.

## Hardware ergonômico e eficaz

As soluções da Vocollect são ergonomicamente agradáveis, inclusive para os que possuem deficiências ou limitações. O dispositivos são duráveis e garantem o melhor ROI em menor tempo. Os custos com manutenção são menores que os investidos em scanners RF, por exemplo.

A lista de benefícios relacionados com a implementação de uma solução de trabalho dirigido por voz é longa. Além dos tópicos discutidos acima, é possível também considerar a redução de inventários, já que o estoque sempre estará atualizado.

Você também vai reduzir os custos relacionados com impressão, como a manutenção de impressoras, compra de insumos como papel, toners e cartuchos, isso sem mencionar a redução do custo com reciclagem.

QUAIS AS DESVANTAGENS DO PICK BY VOICE?

Como mostramos, a definição de picking by voice em si representa muitas vantagens. Mas para uma análise completa, é importante que possamos também analisar os aspectos negativos.

Um dos mais expressivos é a resistência por parte de alguns operadores que não se sentem confortáveis em falar com um computador. No entanto, uma vez que eles se acostumam, as aplicações práticas de picking by voice e a facilidade de uso do sistema logo farão com que o receio seja esquecido. 

Existe ainda o fato de que, apesar de estarmos lidando com uma tecnologia, ainda podem haver falhas humanas. Isso pode acontecer pois o sistema de voice picking exige validação pelo operador, dessa maneira pedindo uma segunda confirmação visual da confirmação por voz.

Não podemos negar que os riscos de erro humano são uma possibilidade nesse processo. No entanto, claramente o número de falhas é menor se compararmos à uma operação de picking sem reconhecimento de voz.

VOICE PICKING E O ARMAZÉM DO FUTURO 

A tecnologia de comandos de voz é essencial para chegar ao patamar do armazém do futuro. E qualquer operação de distribuição que busque melhoria da produtividade, precisão e rendimento precisa considerar seriamente sua adoção.

Dê um passo à frente de seus concorrentes. Fale com um consultor da Otimis e saiba o que o Vocollect voice picking pode fazer pela sua empresa!

> Deixe seu comentário

Entre em contato
+55 47 3036 7800 (SC)
+55 11 3027 4197 (SP)
+56 2 2840 5916 (CHILE)
otimis@otimis.com

Newsletter

Gostaria de receber nossas novidades no seu email?